free website stats program

Vocalista dos Lordi diz que o heavy metal já não reina na Finlândia

Numa entrevista recente à The Age of Metal, Mr. Lordi, frontman dos Lordi, defendeu que a Finlândia já não é o paraíso do heavy metal na terra. Para o vocalista, os artistas deste género musical e outros semelhantes estão a ser outra vez marginalizados neste país, onde bandas como Children of Bodom e Nightwish lideravam as vendas de discos regularmente.

Os Lordi ganharam o Festival Eurovisão da Canção em 2006 com “Hard Rock Hallelujah” e viram o turismo aumentar no seu país graças à sua façanha. Questionado pela The Age of Metal se esta vitória ajudou a consolidar a presença massiva deste género na Finlândia, o vocalista disse: «durante um pequeno período de tempo, sim, mas já passaram quase onze anos (…) entristece-me dizer que agora é hip-hop e rap por todo o lado. É como se metal e rock tivessem sido afastados outra vez para as áreas marginais».

Mr. Lordi também defendeu que antes qualquer pessoa ligava o rádio e ouvia uma música da Madonna seguida de Children of Bodom e Nightwish– «este era o país que tínhamos».

A Finlândia é conhecida pelo número interessante de bandas de heavy metal que alberga. De facto, em 2013 a revista Slate comprovou que a Finlândia é o país do mundo com mais bandas de heavy metal per capita. Este país apresenta 54 bandas de música extrema por cada 100.000 habitantes, ficando à frente da Suécia e da Noruega (27 bandas por 100.000 habitantes).

O último disco dos Lordi, “Monstereophonic (Theaterror Vs. Demonarchy)”, saiu em 2016 através da AFM Records.

Podes ver parte da entrevista do músico no vídeo em baixo.

(Adaptado da Blabbermouth)

You may also like...