A primeira gravação de feedback de guitarra

Banner RnH

A primeira gravação intencional de feedback de guitarra num álbum Rock

I Feel Fine / Lennon McCartney – I Feel Fine / She’s a Woman, Parlophone, 1964

It’s All too Much / George Harrison – Yellow Submarine, Apple Records, 1969

Caros amigos, se o título deste artigo vos parece demasiado enigmático, eu simplifico:

O John Lennon inventou o Jimi Hendrix.

Deixem esta informação assentar … “John Lennon invented Jimi Hendrix”. (Obrigada, George*!)

george1964

Esta música mostra porquê:

Podia ter sido composta há dois dias atrás, não é? Mas foi em 67.

E agora, viajamos até 1964. Se não quiserem ouvir tudo (,hereges), basta prestarem atenção aos primeiros sete segundos de faixa.

Até 1964, os músicos só podiam encaixar-se numa de três categorias: a) compositores; b) performers; c) músicos profissionais para gravar em estúdio. Os compositores só compunham para os performers, que só actuavam; e os músicos profissionais só tocavam em estúdio as músicas compostas pelos compositores. (Eram um bocado pobres de espírito, as editoras da altura, mas aqui entre nós, editaram grandes coisas.) De tal forma assim era, que o primeiro álbum dos Beatles (Please, Please Me, Parlophone, 1963), tinha 14 músicas, das quais oito eram versões de performers e compositores diferentes (Burt Bacharach, The Chains, The Shirelles, Carole King, Phil Medley, Bert Russell…), alguns deles da Motown.

E é este o estado da arte quando em 1964 os Beatles lançam o primeiro álbum em que todas as músicas são originais. Isso foi, por si só, inovador. Mas o single “I Feel Fine” introduziu algo de realmente inesperado: pela primeira vez, o mundo ouviu feedback áudio de guitarra gravado intencionalmente numa faixa pop-rock. Esse som que se ouve nos primeiros sete segundos foi um “erro” de estúdio. Mas um erro que os Beatles entenderam ter uma qualidade estética passível de ser incorporada na música.

Os Beatles atingiam o auge da sua popularidade; o seu estatuto perante as editoras conferia-lhes liberdade para serem compositores, performers, músicos e ainda para serem “experimentais”. Por isso, enquanto outras bandas teriam sido ensinadas a jamais pousarem uma guitarra junto a um amplificador, os Beatles puderam transformar esse “erro” num elemento de composição musical. Para os amantes do Acid Rock, do Rock Psicadélico e do Rock Progressivo – e para os amantes de música em geral -, ainda bem.

Resta-me desejar-vos um Feliz Natal. Porque eu própria ouvi esta música pela primeira vez num Natal há uns anos… e nunca mais ouvi nada assim.

 

Três músicas com feedback de guitarra que todos já ouvimos:

The Jimi Hendrix Experience, Foxy Lady: https://www.youtube.com/watch?v=_PVjcIO4MT4

Nirvana, Radio Friendly Unit Shifter: https://www.youtube.com/watch?v=P7B-AlKTdGQ

David Bowie, Heroes: https://www.youtube.com/watch?v=Tgcc5V9Hu3g

*em George Harrison: Living in The Material World, Martin Scorsese, 2011


Artigo por: Catarina Reis