free website stats program

Headbanging pode causar danos cerebrais

Pelo menos é o que diz um estudo publicado pela revista britânica The Lancet. Este tipo de expressão corporal, que envolve movimentos de cabeça sincronizados com música rock ou heavy metal, foi agora considerada um pouco arriscada, pela possibilidade de vir a causar danos cerebrais. A teoria baseia-se no caso de um homem de 50 anos, que desenvolveu um hematoma no cérebro no início de 2013, quatro semanas após ter estado num concerto da banda Motorhead.

O paciente começou a queixar-se de fortes dores de cabeça, que se iam agravando com o passar dos dias. Quando se deslocou a uma consulta e realizou os exames adequados, os médicos diagnosticaram-lhe um hematoma subdural. Isto é, um coágulo de sangue entre os tecidos das meninges que rodeiam o cérebro, e que surgem na sequência de traumatismos cranianos. Quando estes são menores, o hematoma pode apenas aparecer algumas semanas após o choque.

Ainda assim, headbangers: Descansem! O risco é mínimo. Logo, é possível continuar a “abanar” a cabeça durante os concertos.