free website stats program

Krisiun e NervoChaos foram detidos em Bangladesh com acusações de “blasfémia”

As bandas brasileiras  Krisiun e NervoChaos foram detidas no aeroporto de Hazrat Shahjala em Daca, Bangladesh, e acusadas de “blasfémia” na passada terça-feira (dia 9). Ambos os grupos tinham um concerto marcado na cidade nesse dia à noite (que estava esgotado), no âmbito da digressão “Asian Tour” que estão a fazer em conjunto. Porém, quando aterraram no aeroporto na madrugada de terça-feira foram abordados pelos seguranças e o concerto foi cancelado por decisão das autoridades locais.

Segundo um comunicado dos Krisiun, os membros da banda ficaram retidos mais de oito horas e os seus passaportes foram confiscados, impedindo-os  assim de sair do local.

Os NervoChaos, através do Instagram, revelaram uma fotografia no aeroporto de Bangladesh e contaram que foram definidos como um grupo«satânico» pelas autoridades locais.

As bandas conseguiram entrar em contacto com a embaixada brasileira e foram libertados, encontrando-se, até informação em contrário, num hotel na cidade. Ambas vão viajar para o Japão e depois para a Coreia do Sul, dando assim continuidade à digressão.

Devido a este episódio, os concertos na Mongólia, China, Vietname e Malásia foram cancelados também.

Os Krisiun e os NervoChaos emitiram um comunicado conjunto onde classificaram este acontecimento como uma «experiência muito desagradável» e que foram vítimas de «puro preconceito e desinformação», embora tenham enfatizado que não são contra qualquer tipo de religião ou visão política.

Antes deste acontecimento, as bandas de death metal tinham passado pelo Hammersonic Festival em Jacarta, Indonésia, onde atuaram sem qualquer tipo de incidentes.

Os fãs destes grupos musicais que iam assistir ao concerto na capital de Bangladesh gravaram um vídeo onde pediram desculpa pelo que lhes aconteceu e disseram que estavam «envergonhados» com este acontecimento.

A Metal Media, representante das bandas, pede aos fãs para consultarem apenas a sua página oficial para mais informações.

Podes ler também em baixo os comunicados das bandas.

You may also like...