free website stats program

Rammstein – Próximo álbum poderá ser mesmo o último da banda

O guitarrista dos Rammstein, Richard Kruspe, foi entrevistado durante a passagem da banda pelo Resurrection Fest deste ano e falou do já tão aguardado novo álbum, sucessor de “Liebe Ist Fur Alle“, de 2009. O guitarrista acabou mesmo por dizer que o novo álbum poderá ser o último da banda.

“Estava muito céptico em relação a voltar ao estúdio com os Rammstein, porque da última vez quase que acabámos devido ao álbum. É sempre muito stressante e doloroso. Penso que estava muito nervoso quanto a isso, mas chegámos a um acordo. Dissemos que voltaríamos e gravávamos apenas cinco temas, para não termos qualquer tipo de pressão”.

“Posso dizer que começámos há dois anos atrás e que tocar de novo com a banda, por alguma razão foi muito natural e diverti-me muito. Desde então, criámos cerca de 28 ideias, não diria temas, mas ideias e de algum modo conseguimos voltar atrás às nossas raízes, onde basicamente estamos de novo entusiasmados para compor. Simplesmente não é como antigamente. Neste momento toda a gente se respeita e parece mesmo um novo ciclo onde começamos do zero, o que é bom. É como se ultrapassássemos todos os problemas resultantes de tocar durante 22 anos com os mesmos membros, o que é difícil. Não são muitas as bandas que conseguem, a maior parte muda os seus membros, mas nós não acreditamos nisso. Passámos por muitos altos e baixos e houve provavelmente muitos momentos onde sentimos que não queríamos fazer mais “isto”, em que não queríamos estar mais numa banda, mas de algum modo conseguimos contornar isso ao falarmos e comunicarmos para que nos mantivessemo-nos juntos. Por isso, aqui estamos, a compor e sentirmo-nos bem, por isso não podia deixar de estar satisfeito”.

Em relação ao novo álbum, Kruspe revelou:

“Claro que a banda quer sempre superar-se de álbum para álbum. Desta vez, o que realmente queremos fazer é alterar a equipa de produção. Trabalhámos com o nosso produtor nos últimos seis álbuns, mas desta vez sentimos que precisamos de mudar, por isso estamos a conhecer novos produtores e a escolher qual é a melhor equipa para o momento. Sinto que por alguma razão este será o nosso último álbum. É um pressentimento, posso estar errado, mas neste momento sinto que este vai ser a nossa última chance para fazer um álbum e quero dar 102% nele para que possa ser o melhor possível. Quando ouço o material, sinto que há muito potencial e estou muito satisfeito com que temos até ao momento. Por isso espero mesmo que comecemos a gravar no próximo ano”.

You may also like...